Showing posts with label Brasil. Show all posts
Showing posts with label Brasil. Show all posts

Friday, 19 May 2017

Renuncia Presidencial

Lamentavelmente, mesmo com prisões e prisões em vias de ocorrer, a corrupção se manter indiscutivelmente, considerando tudo o que se tem provas até então. O fato é que a corrupção continua ocorrendo sem que hajam provas que a caracterizam. Felizmente conseguimos aprovar o impeachment de Dilma, se houver justiça Lula será condenado e preso. Consequentemente Temer será investigado condenado. Afinal de contas, o PT e o PMDB são cumplices um do outro, portando os acordos entre partidos deixam claro que a corrupção envolve os dois partidos coligados entre outros que aparecerão, o que esperamos que seja breve. A partir de agora, os eleitores do PT, talvez possam começar a isentarem-se da responsabilidade de elegerem políticos corruptos, afinal conscientes ou não, aceitem ou não, quem elegeu Dilma elegeu também Temer.  Temer chegou a presidência através do voto dos eleitores do PT. Aceitem ou não, essa quadrilha atual foi eleita por eleitores do PT. Porém, a Tese comprovada de que a corrupção é sistêmica no Brasil demonstra que justiça e honestidade precisa ser ensinada desde o berçário a todo cidadão nascido no Brasil para que em gerações futura, talvez possamos conviver socialmente em uma sociedade justa e honesta. Lamento que depois do Brasil retomar seu crescimento, Temer venha a ser obrigado, com justiça a renunciar, por é a melhor solução para o fato apresentado. Infelizmente, o Brasil volta conviver com uma crise politica que destrói toda possibilidade de crescimento econômico. Lamento profundamente que todo trabalho de Henrique Meireles, quem deveria se manter no comando da economia, corra o risco de se acabar gerando ainda mais duvidas sobre o futuro econômico do Brasil. Por fim, Oxalá melhores momentos para nós brasileiros, num país onde não exista foro privilegiado que justifique crimes contra a Nação.
 
Regrettably, even with prisons and prisons underway, corruption remains unchallenged, considering all that has hitherto been proven. The fact is that corruption continues to occur without any evidence that characterizes it. Fortunately we succeed in approving the impeachment of Dilma, if there is justice Lula will be convicted and imprisoned. Consequently Temer will be investigated convicted. After all, the PT and the PMDB are compliant with one another, with the agreements between parties making it clear that corruption involves the two related parties among others that will appear, which we hope will be brief. From now on, PT voters may perhaps begin to exempt themselves from the responsibility of electing corrupt politicians, whether conscious or not, to accept it or not, whoever elected Dilma also elected Temer. Temer came to the presidency through the PT voters vote. Accept it or not, this current gang was elected by PT voters. However, the proven thesis that corruption is systemic in Brazil demonstrates that justice and honesty must be taught from the nursery to every citizen born in Brazil so that in future generations, perhaps we can live socially in a just and honest society. I regret that after Brazil has resumed its growth, Temer will be forced, justly to resign, because it is the best solution for the presented fact. Unfortunately, Brazil returns to live with a political crisis that destroys any possibility of economic growth. I deeply regret that all the work of Henrique Meireles, who ought to be in charge of the economy, runs the risk of generating even more doubts about Brazil's economic future. Lastly, Oxalá best moments for us Brazilians, in a country where there is no privileged forum that justifies crimes against the Nation.

Tuesday, 28 March 2017

Insensatez

O fato é: Quem elegeu Temer foi o próprio PT ou Esquerdistas como preferem, a partir do momento em que a candidatura de Dilma iniciou e o vice foi apresentado depois de acordos entre PT e PMDB, os quais a sociedade civil não foi informada nem convidada a participar, porém eleitores de Dilma ou do PT, ou ainda os esquerdistas colocaram Temer no Poder. Agora, esses mesmos eleitores de Temer através de Dilma e Lula, convocam a sociedade a lutar contra aqueles que eles mesmos escolheram ou elegeram com a retórica de golpe e consciência política. Consciência Política a qual, se orientou por um ex presidente incapaz de assumir suas tomadas de decisões, um covarde, um fraco amparado por um discurso publicitário o qual nem ele próprio sustenta, e ainda é tido como herói por ter sido sertanejo, depois operário, presidente da republica e hoje por fim, e com justiça um trombadinha fomentando rixas sociais, gerando retaliações descabidas de seus eleitores contra quem não aceita a criminalidade institucionalizada e tenta chantagear a justiça com a ameaça de incentivar uma revolução no país, por marionetes idiotas, imbecis políticos que se dizem conscientes da realidade a qual o PT construiu. É justo que esse Lula seja preso como seus comparsas. Caso essa pessoa seja perdoada, todos os criminosos no pais precisam ser perdoados, ou seja todos os portões das prisões precisam se abertos para justificar o perdão para essa pessoa. Vocês, eleitores de Dilma são os responsáveis por Temer no Poder, agora assumam a responsabilidade de vocês!!!!

Sunday, 26 March 2017

Apoio a Lava Jato - Contra o Foro Privilegiado


Nas últimas semanas, a militância petista, plenamente consciente do desastre que que eles próprios causaram na política brasileira, passaram a se auto denominarem esquerdistas, uma maneira de darem sequencia no projeto de poder do PT. Apontam como alienação política o fato de estar sendo esclarecido e desmascarado a organização criminosa institucionalizada pelo PT e seu líder Lula. Quem, deveras estar preso junto de seus comparsas entre outros ainda não noticiados. Como estratégia psicológica, estes esquerdistas tratam pessoas de plena consciência da tragédia política brasileira como se não soubessem o que fazem, porém, estes mesmos estão protegendo os interesses e direitos civis inclusive dos esquerdistas, que desconhecem o que venha a ser políticas de direita e esquerda. Ao questionar um militante esquerdista se ele sabe o que significa Esquerda política, afirmam que ser de esquerda é não ser conivente com governos de situação. Ao questionar o que é ruim na política de situação, afirmam que é ruim e pronto, sem o mínimo argumento.  Ora, é compreensível que essa esquerda que não é mais situação, esteja com a auto estima baixa pois seus lideres desmascarados mostraram ao mundo que são especialistas em exercer a corrupção se passando por vitimas, como ocorre com a militância petista mascarada de esquerdistas. Hoje, essa militância esquerdista, é a favor do foro privilegiado, faz da violência e da antiética seus princípios políticos. Lutam para garantir seus privilégios em detrimento dos direitos civis de todos brasileiros. A pseudo esquerda brasileira prega a alienação como instrumento de manipulação de massa. Usam frases de efeito e chavões literários como argumentos para o que desconhecem. O pior de tudo, o que me toca diretamente, é a política cultural exercida por essa esquerda, a qual se valeu de cabides de emprego proporcionados pelo PT para que fossem considerados Artistas pelo simples fato de fizerem publicidade do PT nos moldes do Nazismo, termo mais adequado a estes que se auto denominam esquerdistas, desconsiderando completamente o processo histórico das Artes. O PT tentou oficializar a historia do mundo sob seus parâmetros e interpretação, ignorando tudo o que não era possível a sua compreensão. O PT mais aliados através de seu líder Lula. Atualmente, a esperança do PT na continuidade de seu projeto de poder, acredita que Ciro Gomes seria o Presidente que usaria de seu cargo para camuflar o muito que ainda precisamos saber sobre as praticas políticas de corrupção, além de acreditar que a política Coronelista de Ciro Gomes proporcionaria ao PT poderes absolutos novamente, mas isso só viria a ocorrer se o Brasil decidir eleger um inimigo contra si. O BRASIL AO PRESSIONAR PARA QUE O IMPEACHMENT OCORRESSE, SE MOSTROU MAIS ESCLARECIDO POLITICAMENTE. O fim do Foro Privilegiado fará com que seja mais difícil um político roubar a nação sem que a justiça possa puni-lo. Lamento profundamente que Artista ou Pseudo Artistas façam uso da bandeira do PT para se auto demonstrarem mais capazes e melhores profissionais. Na era PT, um profissional era o melhor no que fazia pelo simples fato de carregar a bandeira do PT. Atualmente é preciso mostrar trabalho e conhecimento de causa para se dizer o melhor no que faz. Lamento não haver justiça para militantes petistas que emitem informações enganosas,  fazem publicidade enganosa, se assim fosse, ativista petistas fantasiados de esquerdistas pensariam mais, muito mais antes de se utilizarem de calunia e difamação para se defenderem da conivência com o assalto aos cofres públicos feito pelo PT, seus lideres e aliados de maneira descarada como fizeram nos anos de governo do PT.

Thursday, 1 September 2016

Scoundrel

The scoundrel and scammers are outraged by not manage to mount a PT dictatorship. Brazil is not only illiterate and subservient as believed militancy PT. The PT ruled with the PMDB, PT chose to Temer vice. Today the PT fight against PMDB with the stroke of rhetoric. Treat voters as donkeys donkeys tapirs and scoundrels. Who is all this anyway? The PT convincing method are threats, physical and verbal aggressions, who are the scoundrels anyway !? PT invests in intrigues in the relations of friendship, family and work. Through citizens in their work relations in order to take advantage of everything and everyone. Are unscrupulous! Who are the bastards anyway !? Not to mention all the money diverted to members of the PT who flaunted shamelessly before all like the money from public coffers belonged to PT. Who are the bastards !? The PT has abused the good faith of an entire Nation who believed in his promises! Who are the bastards anyway !?

Thursday, 12 May 2016

IMPIACHMENT: Justiça e Liberdade

HOJE É UM DIA DE MUITA ALEGRIA PARA MIM! ME SINTO REALIZADO POR PODER DIZER QUE AJUDEI DE ALGUMA MANEIRA A TIRAR DO PODER O PARTIDO QUE UM DIA DE ALGUMA MANEIRA EU AJUDEI A CONQUISTAR O PODER! ESTOU MUITO FELIZ, PORÉM COMPLETAMENTE INSATISFEITO POIS O QUE ESTÁ OCORRENDO NO BRASIL É TUDO O QUE EU NÃO DESEJEI NEM SONHEI NO MEU IDEAL DE MUNDO MELHOR. ESTOU FELIZ E DE ALMA LAVADA!! SEM MAIS DETALHES, O QUE DESEJO DAQUI PARA FRENTE É PODER SER RESPEITADO NA MINHA ESCOLHA DE ME ISENTAR DA POLITICA. ESTUDO, PESQUISO, DESENVOLVO ARTE!!! CONTINUAREI ASSIM! É ISSO QUE SOU, UM ARTISTA MUITO CONSCIENTE DE MINHA EXISTENCIA. ESPERO SOMENTE PODER CONTINUAR MEU TRABALHO DE ARTISTA SEM POLITICOS OU POLITICAS ME PERSEGUINDO. ESPERO UMA ESTABILIDADE ECONÔMICA NA QUAL QUALQUER PESSOA POSSA PLANEJAR SEUS DESEJOS E SONHOS SEM DEVER SATISFAÇÕES PARTIDARIAS. EMOCIONADO DESEJO QUE A LIBERDADE SE CONFIGURE COMPLETAMENTE DE MANEIRA A CADA BRASILEIRO PODER ESCOLHER O CAMINHO A SEGUIR EM SUA VIDA. A CONSTITUIÇÃO É UM PARAMETRO MORAL PLAUSIVEL A SEGUIR, SEM ESQUECER QUE PARA SE QUESTIONAR A LEI, SOMENTE A LEI. OXALÁ UM MUNDO MELHOR PARA TODOS NÓS, INCLUSIVE PARA ESTES QUE INVESTIRAM ATRAVÉS DO GOVERNO, NO NAUFRÁGIO.




Saturday, 13 December 2014

Para Emanuel Araujo

Carissimo Emanuel Araujo,

Ao considerar os comentários de um enviado por você na noite passada, já que não está capacitado para dizer o que pensa pessoalmente ou publicamente, tanto que mandou um artista copista que conheço falar comigo, assim decidi esclarecer seu posicionamento quanto ao dever de um Artista em ser gay, viado em seu linguajar. Consciente sobre sua homossexualidade devo deixar claro que é assunto completamente seu. Não compete a mim questionar suas escolhas e opções sexuais. Do mesmo modo, a minha heterossexualidade pertence a mim e não lhe diz respeito. Lamento que em suas avaliações sobre Arte se utilize de seu status para suas praticas sexuais. Consciente de que você não é o único e espero deixar claro que em nenhuma hipotese eu aceitaria sua influencia no mercado de arte brasileiro, ou de qualquer outro nestes termos, de que para ser Artista é preciso ser viado, portanto ter um relacionamento sexual com você. Lamento que o acesso de um Artista no Museu Afro Brasil dependa disso. Porém, isso é problema seu e do ex presidente Lula, seu amigo pessoal. A maneira como vocês usam os poderes políticos é motivo de nojo, porém o povo brasileiro aceita assim sem nenhum questionamento. A maneira como administro minha carreira de Artista é de minha responsabilidade, e se minhas finanças não são satisfatórias, isso também é de minha responsabilidade. Também não vejo nobreza nenhuma em você ao se aproximar de pessoas que estão próximas de mim para impor sua opinião sobre meu trabalho sabendo que estas não tem conhecimento nem convivência com o meio artístico e menos ainda compreendem o que seja Arte, menos ainda o que venha a ser Arte Contemporanea. Caso queira defender suas criticas sobre meu trabalho em pintura, gravura, desenho e internet sugiro que se manifeste publicamente e assuma suas opiniões. Até agora se mostrou um irresponsável quanto a avaliação de Artistas e Obras de Arte. Lamento que não seja capaz de zelar por uma mínima imparcialidade em julgamentos estéticos, tanto que usa seus desejos sexuais para avaliar Obras de Arte e Artistas. Quanto a minha situação de rua e meu uso de maconha, assuntos que já conversamos aqui na Bela Vista, são questões que eu conduzo como me melhor me convém, não dizem respeito a você! 

Assim para encerrar, e espero estar encerrando este assunto definitivamente com você e seus funcionários formais e informais os quais levam relatórios sobre mim a você.  Lembrando que em nenhuma hipótese eu procurei por você, que a iniciativa em uma conversa entre nós partiu de você Emanuel Araujo ao me ver trabalhando com minhas gravuras aqui na Bela Vista onde tem casa e atelier. Espero ser absolutamente indiferente ao seu olhar. Que desconsidere completamente termos nos conhecido um dia e que sustente isso. Pois meu trabalho com Arte é minha Vida, o contrario de você como deixa claro ao enviar um copista que se diz Artista para me convencer que tenho que ter uma relação sexual com você para ser considerado no mercado de Arte.

Espero que tenha um mínimo de dignidade e faça assim ser.

Atenciosamente

Marcelo Peres

Tuesday, 2 December 2014

CONEXÕES: Significados Significadores Significantes Signos

Estes são os desafios de uma Arte Internacional, Global: Diluir territórios. Traspassar os limites de fronteiras entre materia espaço e tempo. Intergir as coisas Visíveis com as coisas Invisíveis. Cronstruir e reconstruir possibilidades. Fazer existir. Fazer conexões. Sugerir, propor, construir, gerar conexões experimentais de signos possiveis de serem materializados, realizados e registrados. 

Conexões: O uso dessa força criadora de Produção Cultural sem fronteiras em suas manifestações exige compromissos éticos diante a existencia das coisas em toda sua extenção.

Sunday, 30 November 2014

Contextos:

 É inegável o que concebo como Escola em minha vida os contextos historico, politico, social, economico e cultural dos anos 80, 90 e inicios de 2000. A banalização da Arte. A Pintura como expressão e linguagem predominante sem parametros conceituais. Tudo e qualquer coisa poderia ser Arte desde que essa coisa fosse transferida para o Espaço expositivo da Arte. Em paralelo dogmas classicos, academicos que perduraram no tempo e se mantém como tradição por convenções de "gosto". Este momento defino como imagem de Reflexo do Reflexo. Produções artisticas e culturais realizadas em importantes centros culturais como São paulo eram tomadas como referencias, imitadas, reproduzidas e, ou apropriadas em regiões como o Interior dos Estados em diferentes escalas. Alguns apontamentos criticos chamam a atenção para a Arte produzida no Brasil como reproduções da Arte produzidas na Europa e EUA. Historicamente, a Arte trazida ao Brasil em periodos coloniais por Jesuitas, depois pela Companhia Francesa mais adiante no seculo XX, a Arte buscada pelos Modernistas. O Barroco, depois o Neoclassico, os Modernismos: A Arte Concreta, NeoConcreta e por fim as Globalizações da Arte. Concepções e Conceitos importados.   Pesquisas teoricas e conceituais em Poéticas Visuais numa plataforma academica e universitária configurou em minha mente a definição de Matriz Arte. Uma estrutura de conhecimento, pensamento e sentidos. A realidade no seu aspecto tridimensional se tornou multidimensional, portanto a interação entre distintas realidades passou a existir de modo a direcionar minhas escolhas e decisões quanto a caminhos seguir com meu processo criativo que se expandia para o virtual. Da utilização de expressões expressionistas, para uma busca de absorver as formas elementares e construir formas geometricas bidimensionais e virtuais que desembocam nas escolhas dos elementos que veem representando o meu desenvolvimento artistico. Essas pesquisas fezeram com que nos ultimos anos convivendo, frequentando, participando, debatendo, observando e pensando o desenvolvimento artistico e cultural da Arte, e ou Artes Visuais no principal centro de concentração e organização de estruturas, plataformas, instituições e produções artisticas no Brasil que é a Cidade de São Paulo eu tomasse consciencia de um Sistema Arte, ou seja, uma Matriz composta por Matrizes interagidas entre si conectadas com Matrizes que compõe um todo global interagido nun buraco de minhoca onde Espaço e Tempo se fundem.  Esse é o contexto de meu processo criativo em vinte anos de elaboração de meu trabalho no qual minhas verdades, crenças e interpretações sobre os Significados da Arte se manifestam e deternimam minhas escolhas quanto a gosto, elementos, linguagens, representações e conceitos da Arte.

Friday, 28 November 2014

31ª Bienal Internacional de São Paulo

Decidi escrever sobre a Bienal depois acompanhar o Fórum Mundial de Bienais que se encerrou nesta noite. O meu papel no Sistema Arte se define como Artista! Assim me coloco, me apresento, me posiciono politicamente, profissionalmente, intelectualmente, etc. Diante os temas apresentados neste fórum e a 31ª Bienal acontecendo, se define para mim algumas direções as quais seguirei sem questionamentos em minha concepção de Arte.
Pensar em uma Arte Internacional passa  a ser foco fundamental. Desterritorietizar, desterritoriezar a Arte. Arte sem territórios. A Arte me proporciona liberdade total quanto aos meus atos, pensamentos, sentimentos, instintos. Liberdade que somente eu tenho controle e para isso me valho de meu senso ético e habilidade politica para tomar decisões e fazer escolhas. Decidi assim justificar a pessoa que sou através do conhecimento que a Arte me proporciona. Assim, faço Arte da minha vida, faço de minha vida, Arte. Coloco minha vida em questão, e no caso  destas questões atingirem a vida comum a outras pessoas, então essas questões são importantes para serem apontadas e conversadas a respeito. O tema proposto na Bienal Internacional de São Paulo proporciona possibilidades de interpretações muito amplas de maneira a manter intactos, princípios de liberdade em toda sua concepção. Os encontros com o Educativo foram em todos os quais participei, absolutamente democráticos  ao produzir conversas  sobre o tema proposto  e todas questões apresentadas.
 Em um determinado momento me posicionei criticamente de frente a Instituição devido uma mínima e sutil sombra de duvida quanto a possibilidade do Evento estar inserido em uma Politica Cultural a qual não me interessa. A publicação dos nomes dos Artistas participantes na semana que anterior a Copa do Mundo me fez acreditar que o Evento Bienal estaria acontecendo na sombra do Evento Copa do Mundo para beneficiar qualquer interessado politico, neste ano que houve uma Eleição Presidencial. Isso não ocorreu! Durante o Evento Copa do Mundo nenhuma publicação sobre o Evento Bienal chegou próximo de meus sentidos. Absolutamente nada. Ou seja, o Evento Bienal se manteve integro em seus propósitos na matriz Arte. Indiscutivelmente precisei voltar atrás e reconhecer o meu exagero  na interpretação das noticias que recebi, assim me mantive pouco presente nas atividades do Educativo porém, acompanhando todas informações dessas atividades, encontros, recreações, debates, conversas, reflexões. Com isso, preferi começar a escrever sobre a 31ª Bienal em sua semana de conclusão.

No circuito de galerias, em aberturas em que estive presente, algumas opiniões sobre a proposta curatorial me foram apresentadas, poucas e intrigantes que não vão além da expressão "não gostei", na verdade nada além disso me referindo aos poucos Artistas que se manifestaram a respeito comigo. Ao considerar o meio social em que estava, concluí que o projeto expositivo não se afinava com o formato de feira o qual estavam habituados e seguros na estrutura comercial. As plataformas não coincidem ou interagem pouco entre si, acredito que por simples questões  de concepções estruturais. Diante esse posicionamentos de alguns Artistas, argumentei que Essa Bienal, ao tomar as coisas que não existem, destaca questões sociais e politicas, portanto transfere para o matriz Arte o que se pode entender como realidade. A mediação das linguagens técnicas não são questões centrais, portanto se desadequam dos pontos de questão na história da Arte, e sim a realidade cotidiana. Definir uma Bienal de Artes na opinião simplista de "gostei" ou "não gostei" não seria compatível com a amplitude conceitual e pragmática que o evento proporciona. De fato, devido a escala e importância histórica do evento. Evitei tomar a opinião de críticos de arte e apontamentos críticos sobre a Bienal de São Paulo para não ser de nenhuma maneira influenciado por juízos de valores, me concentrei nas questões levantadas no debate em torno deste evento. Tenho consciência do status da curadoria da Bienal portanto seria estranho duvidar que a posição desperta o interesse de muitos candidatos ou pretendentes  a essa função, daí as diversas interpretações contrarias a organização, administração e curadoria. Na feira de Arte PARTE, uma das questões que me despertou atenção foi a comparação entre Feiras de Arte e Bienais de Arte de maneira a se levantar a hipótese de se inverter as funções de uma e outra. Ou seja, as Bienais assumirem uma estrutura comercial e as Feiras assumirem uma estrutura conceitual. Descordo de inicio dessa possibilidade de inversão de funções, o que não se exclui abertura espaços para debates conceituais na Plataforma de feira nem se exclui as possibilidades comerciais na plataforma das Bienais. Não aprecio tão pouco a ideia de se fazer das Bienais uma matriz rígida de pensamento a qual se exclui completamente a inerência mercantil nas produções dos Artistas Visuais.

Prosseguirei com as coisas que não existem. O que significa essa coisa que  denominamos existência? O que podemos definir como Realidade? Ora, os  Fatos sociais, políticos destacados na Bienal não existiam antes? Não  eram reais? Tudo passou a ser um invento nesta Bienal? Determinar a realidade é complicado porém temos as leis como parâmetros para determinar a realidade. Temos a matéria física. Os sentidos, as emoções, a imaginação, e as convenções sociais. As leis não podem determinar por completo a realidade por haver claro em sua composição o denominado Consuetudinário. Isso demonstra que as leis não definem a realidade ou  uma existência em sua totalidade, deixa um vácuo no seu alcance. As convenções também não completam essa questão devido as escolhas individuais e coletivas anteriormente determinadas epistemológica, semântica e culturalmente. Entendo assim, que Realidade e Existência são determinações a priori, de maneira química, física, metafisica, mental, emocional. Assim, a Bienal em sua conjuntura se coloca então como uma Obra de Arte. Se torna visível, se faz existir, produz realidades.

Tenho a Politica, a Sociologia e Antropologia como ferramentas. São cores em minha paleta. Contextualizam minha produção, o meu fazer. Partidarismos implicam em ideologias. Populismos. Manipulações. Controles.  Cerceamentos, delimitações no Pensamento e compromete assim, princípios  de Liberdade na Criação Artística. Descaracterizaria a Arte como um fenômeno inerente a existência humana de maneira a não ser passível de avaliações quanto a sua utilidade ou não utilidade, pois a Arte é Natural no ser humano, portanto impossível de se desconsiderar a Arte como essencial a Vida. A Arte como essencial em minha vida justifica colocar minha vida como uma Obra de Arte. A Bienal de São Paulo aponta um esgotamento nas possibilidade do Campo Expandido no ponto de vista Neoconcreto configurada em Obra de Arte. Isso me conduz na configuração de minha vida como Obra de Arte de maneira as questões que me envolvem comuns a outras pessoas sejam destaque em minhas reflexões artísticas. Materializo essa concepção através das imagens de meus registros documentais e pessoais, mais o desenvolvimento das linguagens que me utilizo para expressar meu estado de espírito ou demonstrar uma abstração das concepções da Realidade. Desta maneira a Bienal de São Paulo no meu processo criativo é de referencia em minhas criações artísticas. A utopia da atualidade me move, me motiva. Neste contexto que descrevo penso numa Arte Internacional. Uma Arte que alcance os sentidos de todos humanos do planeta em suas raízes culturais, ideológicas e conceituais.

Do Microcosmo ao Macrocosmo. Do Macrocosmo ao Microcosmo. O alcance universal das expressões da Arte. A diluição das diferenças da língua através da Arte. Como meus conceitos se conduzem ou se atualizam nessa matriz local e global do Sistema Arte?  Produzir e refletir uma Arte a partir de princípios clássicos num contexto social e tradicional da cidade de São Paulo de alcance global! A Arte deve proporcionar em minha vida tudo o que necessito para viver feliz num mundo o qual cada ser humano tem o planeta terra como sua casa. A construir linhas retas como uma figuração do racional, a tenho como representação de meu auto controle na convivência com diferenças as quais não absorvo. Me colocar como uma Obra de Arte na convivência existencial me ressignifica como Personagem fictício. Transfiro para a Realidade a característica de Ficção.

Como contraponto, integrante do cotidiano onde elaboro meu trabalho artístico. Mais interagido com o meu contexto social produzo alguns retratos de paisagens ao redor do local onde realizo minhas obras dentro de parâmetros tradicionais da Arte com xilogravuras figurativas. A representação do meu contexto como antítese a abstração que mantenho com os desenhos em bico de pena, xilogravuras e pinturas reunidas como imagens virtuais no blog. Pretendo nessa dialética estar atualizado no agora, na atualidade, no presente através da conexão entre o clássico e o contemporâneo. A linha como elemento clássico principal de reflexão sobre as possibilidades de realidades e existências.

No percurso entre o curso de desenho no Instituto Moreira Salles em Poços de Caldas, passando pelo Instituto de Artes da Unicamp até minha participação em cursos no MAC e interação com o Educativo da Bienal de São Paulo foram muitas as especulações sobre o sentido da Arte na atualidade e quais caminhos eu seguiria. Porém o Educativo da Bienal me proporcionou conclusões essenciais para minhas concepções artísticas até colocar minha vida como uma Obra de Arte com o proposito de alcançar uma expressão com minha produção de caráter Internacional considerando os princípios Artísticos e Estéticos que determinei para mim mesmo. A Bienal de Artes de São Paulo por fim, ampliou significativamente meu leque de possibilidades na construção material e virtual de uma Arte atual, ou que se pretende atual.

Marcelo Peres, 29 de Novembro de 2014

Friday, 19 September 2014

Rua Treze de Maio, 499 - Bela Vista


Realizei este trabalho na Rua Treze de Maio, 499 - Bela Vista - Sao Paulo. Hoje, Sexta Feira, 19/09/2014 o Grupo de Samba em campanha politica, colocou uma faixa publicitaria de com legendas, imagens e nomes de candidatos nesta eleiçoes. Esclareço, que este trabalho, em nenhuma hipoteses foi realizado com propositos partidarios ou politicos e que seu uso nao é de minha responsabilidade, pois deixo sob dominio publico os usos das inagens desta Obra. Assim, me prevalecendo do conceito de Democracia, esta fachada na Rua Treze de Maio, 499 - Bela Vista - Sao Paulo - SP, pode ser usado por partidos e manifestantes de qualquer genero. Meus principios Artisticos nao entendem arte com funçoes publicitarias, politico e partidarias como sendo Arte por excelencia!! Zelando pela Liberdade de Criaçao de, de fato Artistas que consideram o conhecimento Artistico e Estetico autonomos no desenvolvimento social, com finalidade de construir um mundo justo e digno aos seus habitantes. Por fim, espero deixar calro, que as legendas e imagens de publicidade politica sobre com minha Pintura se descaracterize de qualquer vinculo com estas ou outras representações politicas.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.